Capacidade de geração de energia no Brasil supera os 180 GW

A entrada em operação comercial de 278,3 megawatts (MW) referentes a complexo de usinas fotovoltaicas no Ceará foi a responsável por romper a marca.

Complexo de UFV's Alex, no Ceará.

O Brasil ultrapassou neste sábado (30/10) os 180 gigawatts de potência para geração de energia elétrica, atesta a equipe de fiscalização da ANEEL. A entrada em operação comercial de 278,3 megawatts (MW) referentes ao complexo de usinas fotovoltaicas Alex (foto), em Tabuleiro do Norte e Limoeiro do Norte/CE, foi a responsável por romper a marca.

Também no sábado, duas unidades geradoras de usinas eólicas foram liberadas para operação comercial, somando 8,4 MW. Os despachos de liberação foram publicados nesta quarta-feira (3/11) no Diário Oficial da União.

A energia solar teve outro patamar alcançado nos últimos dias: superou os 4 GW de potência instalada em usinas de geração centralizada no país. Somados aos 7,3 GW de potencia instalada de geração distribuída, a fonte solar alcançou 11,3 GW de potencia instalada. Do total de empreendimentos de geração em operação, 82,73% são movidos por fontes renováveis, sendo mais de 60% a partir de centrais geradoras hidrelétricas, pequenas centrais hidrelétricas e usinas hidrelétricas. Outros 10,98% são provenientes de usinas eólicas.

Fonte: www.aneel.gov.br

36 visualizações